Manter uma alimentação saudável é recomendação para qualquer pessoa. Algumas alterações no cardápio podem trazer inúmeros benefícios para a beleza, qualidade de vida e longevidade.

Mas existem comidas que trazem benefícios especificamente para as mulheres. Soja, linhaça e peixe, por exemplo, ajudam a diminuir sintomas da menopausa e da TPM. O leite, por outro lado, é um aliado no combate à osteoporose, doença típica feminina.

Para ter qualidade de vida ou melhorar os exames, confira seis alimentos que toda mulher deve consumir para ser mais saudável e prevenir doenças. Elas pouco alteram a rotina.

Soja orgânica


Durante o período da menopausa, a soja orgânica é altamente recomendável. “Ela é rica em isoflavonas — substância parecida estruturalmente com o hormônio estrogênio — e por isso o consumo auxilia na redução dos sintomas indesejados, regulando alterações hormonais e combatendo ondas de calor que acontecem neste estágio”, pontuou Priscila Teles, nutricionista do Mundo Verde.

Além disso, a ingestão diária de soja orgânica ajuda também no combate ao câncer de mama, doenças cardiovasculares, osteoporose, Alzheimer e diabetes.

Linhaça

iStock
Segundo a nutricionista Andrea Hirga, a linhaça é a mais rica fonte de ômega 3 existente na natureza e também uma importante fonte de lignanas — substância presente nas plantas. Por isso, as sementes (marrons ou douradas) podem desempenhar um papel na luta contra o câncer da mama, além de ajudar a diminuir o colesterol e amenizar os sintomas da menopausa, como as ondas de calor.

A nutricionista Priscila recomenda comer diariamente de uma a duas colheres de sopa de linhaça diariamente, adicionada a outros alimentos e/ou bebidas.

Peixes

iStock
Este é outro alimento rico em ômega 3, além de vitamina D e ferro. Andrea Hirga explica que sardinhas, salmão e atum têm ação anti-inflamatória e ajudam a afastar a depressão e a controlar o colesterol. Esses alimentos contribuem também para o bem-estar, o bom humor e a longevidade.

Chocolate amargo

iStock

O queridinho das mulheres na TPM é também um grande aliado da saúde e da beleza, além de ajudar a diminuir os riscos de doenças cardiovasculares e de câncer, de acordo com Priscila.

O chocolate amargo ajuda no controle de sintomas de TPM (tensão pré-menstrual), pois possui nutrientes poderosos para o controle de ansiedade. Cerca de 30g ao dia é a quantidade ideal para obter os benefícios.

Leites e derivados

iStock
O leite é uma das melhores fontes de cálcio disponível. Por isso, é essencial para a saúde dos ossos e dentes, além de prevenir a osteoporose. Quem tem restrição, pode trocá-lo por vegetais verdes e escuros que, segundo Andrea Hirga, também são fonte de cálcio.

Iogurtes e leites fermentados possuem em sua composição probióticos – bactérias boas que ocupam o nosso intestino e que, segundo Priscila, auxiliam na proteção da saúde, na melhora do sistema imunológico e na regulação intestinal.

Berries

iStock
Blueberries (mirtilos), strawberries (morangos), raspberries (framboesas), cranberry e gojiberries, conquistaram os consumidores por serem ricas em antioxidantes e flavonoides, que ajudam a amenizar os danos no organismo, principalmente na pele. Segundo Priscila, as frutas previnem o envelhecimento celular e o combate à celulite.

 

 

 

COMPARTILHAR